Como conciliar um blog com um trabalho a tempo inteiro

Conciliar um blog com um trabalho a tempo inteiro ou com a escola / faculdade pode ser um verdadeiro desafio. Sei do que falo – faço-o há mais de sete anos, altura em que criei o meu blog pessoal Living In B’s Shoes. Na altura, estava a terminar a licenciatura e entrei num estágio a tempo inteiro, com o blog à mistura. Yep, foi mesmo um desafio mas se eu consegui conciliar tudo, tu também consegues!

Não posso deixar de realçar que ter um blog dá mesmo muito trabalho e exige muita dedicação. É um tipo de disciplina que não é para qualquer um – motivo pelo qual muitos blogs estão parados há anos! No entanto, um blog pode trazer muito retorno, incluindo financeiro (para além de toda a gratificação pessoal!) e, se é o teu objectivo, tens de te agarrar com força a esse objectivo para fazer dele um negócio rentável. Com tempo e persistência, em alguns meses (ou anos!) poderás estar a ter um bom retorno financeiro.

Queres ganhar dinheiro online? Tenho um ebook de mais de 100 páginas com várias estratégias que te vão ensinar TUDO, incluindo como criar e potenciar um blog!

Se estás a ler este artigo, é porque estás mesmo empenhada/o em lançar-te à séria com o teu blog. E que bom que é saber isso! É o primeiro passo para que o teu blog tenha sucesso. Por isso, vamos lá explorar estas dicas sobre como conciliar um blog com um trabalho a tempo inteiro.

Conciliar um blog com um trabalho a tempo inteiro

Alinha a direcção

A primeira coisa a fazer é perceber qual a direcção que queres seguir com o teu blog, a tua audiência e o teu conteúdo. Percebendo qual é o teu nicho e qual o propósito do blog, será muito mais fácil criar um planeamento que permita facilitar um equilíbrio blog/trabalho.

Planeia

Num calendário editorial, apontas quais os dias nos quais queres criar conteúdo e quais os temas dos artigos sobre os quais queres falar. Todos os meses faço um brainstorming de ideias, que aponto no meu calendário editorial para os meses seguintes. Faço este planeamento a longo prazo (tenho sempre cerca de 3 meses de artigos pensados), para que nunca fique sem ideias e seja obrigada a trabalhar sob pressão.

Criei um calendário editorial gratuito que poderás fazer download .

Aponta num calendário

Esta parte é difícil mas, para mim, é obrigatório assinalar na minha agenda tempo dedicado ao blog. O domingo de manhã, por exemplo, é a altura que dedico à escrita de artigos do blog, aos pins dos artigos no Pinterest e à preparação das newsletters. Por isso, raramente faço planos para o domingo de manhã. E, se surgir algo muito importante para essa altura, antecipo essas minhas tarefas.

É muito importante que mantenhas, durante a semana, algum tempo livre só para ti. Acredita que, se não o fizeres, rapidamente vais entrar em burnout e ponderar desistir do blog. Passei por isso várias vezes até ter decidido que precisava de abrandar um pouco o rimo.

Lista as tarefas

Se, por exemplo, tal como eu, consegues tirar uma ou duas manhãs por semana para dedicares 100% ao blog, faz uma lista de tarefas que têm de ser cumpridas para que não te falte nenhuma. Por exemplo:

a) Brainstorming

b) Fotografar/editar imagens

c) Criar conteúdos para as redes sociais

d) Divulgar no Pinterest

e) Divulgar nos grupos de Facebook

f) Escrever XXX artigos

g) Planear a semana seguinte

h) Analisar as estatísticas

Recorre a escritores convidados / Guest Posts

Recorrer a escritores convidados para fazer os guest posts é uma estratégia que resulta muito bem por vários motivos.

Primeiro, porque podes convidar pessoas com um conhecimento mais aprofundado em determinada perspectiva do teu nicho, o que vai enriquecer o teu conteúdo para a tua audiência.

Segundo, porque esse convidado irá partilhar o artigo que escreveu para ti junto da sua comunidade, aumentando a visibilidade do teu blog.

Terceiro, porque ao partilhar o artigo junto da sua comunidade, esse convidado estará a acrescentar valor à tua estratégia de link building, o que irá melhorar o SEO do teu blog (e se ainda não sabes o que é o SEO, está na hora de espreitares este ebook que escrevi sobre SEO para bloggers que vai multiplicar as visitas ao teu blog!).

Quarto, porque um conteúdo escrito por terceiros, ainda que tenhas sempre de corrigir e validar, vai-te poupar imenso tempo de pesquisa e de escrita.

Mantém o compromisso

Se é algo que realmente desejas, então tens de manter o compromisso. Haverá alturas difíceis, tal como acontece com o trabalho ou com os estudos. Mas quando nos comprometemos, levamos as coisas até ao fim. Não desistas à primeira oportunidade, porque isto de ter um blog é um processo que demora o seu tempo. Tem muitas tentativas-erro. Prometo que, se conseguires manter a consistência e a paixão naquilo que fazes, verás o devido retorno.

Pede ajuda

É normal que não saibas tudo sobre ter um blog. Há milhares de pormenores que a curto, médio e longo prazo têm impacto no nosso projecto. Sete anos depois de trabalhar diariamente para ter um blog com milhares de visualizações por mês, ainda continuo a estudar e a aprender sobre blogs. E é por isso mesmo que faço Consultoria para Bloggers – de forma a ajudar quem tem ou quer ter um blog a evitar os mesmos erros pelos quais eu passei por falta de experiência.

Conclusão

Não vai ser fácil, mas ter um blog é um projecto realmente enriquecedor. Por muito desafiante que possa parecer, sobretudo ao início, e especialmente quando conjugado com um trabalho ou estudos a tempo inteiro, é apenas questão de gerires o teu calendário e manteres o compromisso. Vamos a isso?

Comentar